Noticias / A Rota dos Parques da Patagônia

A Rota dos Parques da Patagônia

02/14/2019

Um ano atrás, a Tompkins Conservation assinou um acordo sem precedentes com o governo chileno. A fundação doou mais de um milhão de acres para criar cinco novos Parques Nacionais e expandir outros três já existentes. Para conseguir isso, o governo chileno também contribuiu com quase 2,5 milhões de acres e reclassificou 5,4 milhões de acres de reservas naturais como Parques Nacionais. Esses novos Parques Nacionais, juntamente com os já existentes, ajudaram a formar a Rota Patagônica dos Parques.

A Rota dos Parques da Patagônia é uma rota cênica de 2800 km, abrangendo 17 Parques Nacionais entre Puerto Montt, Chile e Cabo Horn, no extremo sul do Chile. A rota liga a Carretera Austral, que serpenteia ao longo da Patagônia Chilena, com os Canais Patagônicos e a Ruta del Fin del Mundo, com muitos outros destaques espetaculares ao longo do caminho. As paisagens primitivas da rota, os diversos ecossistemas e a flora e fauna locais e endêmicas – combinadas com a rica história e herança cultural mantida pelas mais de 60 comunidades locais que vivem na região – tornam este destino verdadeiramente único. . A Rota dos Parques também faz parte de uma nova visão para a conservação na Patagônia Chilena. Por meio do turismo que protege as riquezas naturais e culturais desse lugar especial, essa visão protege a natureza e promove o desenvolvimento econômico das comunidades patagônicas locais.



Parque-Nacional-Patagonia-6